FRATURA

Fratura é uma “one man band” de São Paulo, capital, criada no final de 2019. Uma banda formada de um único integrante, seu criador, “Corposeco”, que também definiu e atribuiu à sonoridade do projeto, o termo Black-Beat.  Fratura acaba de lançar seu novo disco intitulado “Corposeco”, em todas as plataformas de streaming via Electric Funeral Records. 

 

A inspiração do projeto vem principalmente das one man bands escandinavas de som extremo e também, pelo motivo fundamental, a difícil missão de se formar uma banda com mais integrantes no cenário sombrio e pandêmico em que nos encontramos. Na sonoridade facilmente percebe-se os traços das influências musicais do autor, como black metal, crust punk, d-beat, doom e powerviolence. 

 

Da mesma forma se nota uma qualidade técnica simples e direta, dando a sensação de que qualquer pode fazer um som sozinho, do jeito que quiser, dizendo o que quiser, sujo e distorcido, sem molde, parte do conceito livre das influências anarquistas do punk.

 

Fratura vêm compondo músicas próprias, gravando e lançando digitalmente e de forma independente, a demo intitulada “Necroambulist” já no começo de 2020. Todo o material, da composição até a mixagem das gravações, são realizadas pelo próprio músico em sua casa, ao estilo “do it yourself”, tendo este também, gravado todos os instrumentos individualmente.  

A temática das letras passeia por assuntos como a crise humana e seus desejos mais obscuros, toda a mitologia do satanismo e a necessidade de nos libertarmos de dogmas para nosso próprio autoconhecimento e evolução. Dessa orgia de filosofias e sonoridade nascia o Black-Beat, nascia a Fratura. Ou como o próprio autor, Corposeco, define o estilo da banda: “Black-Beat é o resto podre de um aborto espontâneo que sai rastejando e corre pra fora, se escondendo nas fundações da casa, se tornando um ser amaldiçoado, pois é a materialização da maldade humana”.

c7MsQ6ZEbyPr8LX6OmoH.promo.jpg

A banda de um homem só, iniciou os trabalhos em 2020, gravando o seu debut "Corposeco", que atraiu a atenção do público, pelo trabalho cru e distorcido. Agora o Fratura lança o EP "Orff Infernalis" ainda mais obscuro, esquizofrênico e pesado com uma linha mais definida e contando com algumas surpresas. Uma mistura entre os riffs arrastados do doom, a velocidade clássica do punk com o ódio e misantropia do Black Metal, nas letras. Um passeio sobre os diferentes elementos que pertencem à música extrema e que geram um álbum equilibrado (velocidade, cadência, brutalidade, atmosferas densas).

Quem curtiu o trabalho do Fratura em "Corposeco", vai notar o amadurecimento musical nesse novo play. Fratura não tem as chaves das portas do inferno, mas te ajuda a pular o muro. Todo o EP foi gravado e mixado em home studio, repetindo a receita do primeiro álbum. Isso dá o tempero fundamental ao trabalho buscado, que com certeza vai agradar os ouvidos dos amantes da dissonância, da sujeira, do extremo e da escuridão. Vale muito a pena experimentar essa viagem!

fratura.jpg

STAY TUNED

Faça parte da nossa newsletter e fique por dentro dos lançamentos, shows e notícias.

 PROUDLY CREATED BY COLLAPSE AGENCY