SANGUE DE BODE

Sangue de Bode é uma banda de metal extremo fundada na região serrana do Rio de Janeiro no final de 2017. Sem rédeas na língua e indo estritamente ao ponto, "Comendo Lixo" é seu primeiro trabalho de estúdio, e chega em 2019 com o pé na porta sendo lançado em todas as plataformas digitais via Electric Funeral Records.

Relatos, angústias, e uma realidade tão crua que até o melhor dos estômagos se esforça para digerir.

O Single consegue traduzir bem as nuances por onde a banda passeia ao longo do full album, e vem acompanhado de um material promocional em vídeo, totalmente produzido pela banda no melhor estilo do it yourself. Sólido e mórbido, nada diferente do que se sente através do próprio som.

Confira aqui "Comendo Lixo":
http://tiny.cc/3bcwhz

81233223_460100644915474_512800322269845

Começando 2020 surtado, Sangue de Bode lança seu primeiro Álbum. O full conta com 12 faixas bem resolvidas, que tratam desde dias conturbados à críticas sociais e revolta.

 

Sobre traumas pessoais, e problemas de todo mundo. "A sombra que me acompanhava era a mesma do Diabo", foi o nome dado ao trabalho, sendo lançado em todas as plataformas digitais via Electric Funeral Records.

 

Confira aqui "A sombra que me acompanhava era a mesma do Diabo": https://bit.ly/2Sxel9J

86350044_506404560285082_757794443339235

Em meio à situação mais que delicada que todos estamos enfrentando nos últimos tempos, o Sangue de Bode, impedido de tocar para divulgar seu mais recente trabalho de estúdio assim como todos os artistas, buscou um meio de se expressar e produzir algo que pudesse ser absorvido no meio de todo esse caos generalizado que assola tantas vidas, direta ou indiretamente, ao redor do mundo. O resultado dessa busca foi o seu mais novo single, "A Missa da Guilhotina", que chega com a intenção de alertar os bons, e protestar contra os fascistas e os canalhas que ainda conseguem transformar esse quadro Pandêmico desgastante, em algo ainda pior.

A Faixa foi Gravada com os recursos disponíveis de cada integrante em suas respectivas casas, sem a quebra das orientações que vem salvando tanta gente, e chega também com um vídeo, produzido pela própria banda da mesma
forma. A finalização e os últimos retoques do trabalho
ficaram por conta de Marcos Pirata, nos estúdios
Zonanoise. O novo material acaba de ser lançado em todas as plataformas de streaming via Electric Funeral Records e tem como maior objetivo deixar uma marca útil no ano que não existiu.

49C3OfnALsNKW87PqGXc.promo.jpg

STAY TUNED

Faça parte da nossa newsletter e fique por dentro dos lançamentos, shows e notícias.

 PROUDLY CREATED BY COLLAPSE AGENCY